Brasil

Associação quer que Detran viabilize flexibilização de novas regras de emplacamento

Publicada em 04/12/18 às 10:04h - 81 visualizações

por Portal de Noticias Proeves


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: Portal de Noticias Proeves)

O início do emplacamento de veículos seguindo o modelo do Mercosul está marcado para o dia 17 deste mês. No entanto, mesmo após um adiamento, uma associação não quer que esse processo comece tão cedo e espera ainda conversar com o Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) para permitir que mais empresas possam realizar o serviço.

 

As empresas interessadas em fazer o emplacamento no novo modelo devem cumprir uma série de exigências previstas por uma portaria do Detran-BA para ganharem a autorização, incluindo a compra de novos equipamentos. Mas a Associação Baiana de Empresas Estampadoras de Placas e Tarjetas Automotivas (ABEEP) questiona o rigor das regras e quer que elas sejam flexibilizadas.

 

"Eu acredito que o Detran deve chamar a gente para refazer essa portaria, fazer de uma maneira que consiga contemplar a todos", comentou o presidente da ABEEP, George Lélis, em entrevista ao Bahia Notícias nesta segunda-feira (3). Na última sexta (30), a ABEEP conseguiu uma liminar que suspende por 90 dias a portaria (veja mais). Contudo, o Detran-BA entende que a decisão não interfere no calendário para instalação de placas veiculares no padrão do Mercosul e mantém o dia 17 como data inicial do serviço (veja mais).

 

Mesmo que tivesse o tempo adicional à sua disposição, permitindo que mais empresas pudessem se adequar às exigências da portaria questionada, a ABEEP entende que o ideal é rever o texto. "A gente precisa sentar e mudar a resolução. O ideal é sentar como pleiteamos desde o início", comentou Lélis.

 

Uma das regras questionadas é a necessidade da sede da estampadora ter, no mínimo, 30m². Como a portaria foi publicada no início de novembro, as empresas com área menor que a exigida teriam cerca de um mês e meio para ampliar a sua sede ou viabilizar uma mudança.

 

O presidente da ABEEP acredita que nenhuma empresa conseguiria em curto prazo a autorização para fazer o emplacamento no padrão Mercosul. No entanto, o Detran-BA sustenta que até a última sexta, tinha mais de 30 empresas credenciadas no Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). A intenção do órgão estadual é chegar a 60 até o dia 17.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.







Nosso Whatsapp

 (73)98851-9555

Visitas: 331741
Usuários Online: 68
Copyright (c) 2018 - Portal de Noticias Proeves